Comentários no Blog

Procure um conto que você mais se identificou e deixe nele um comentário falando o que quiser e fazendo o seu classificado ou propaganda para conseguir contatos.

Se preferir enviar um conto, remeta para maridodaisabela@gmail.com

sábado, 1 de novembro de 2008

Dois Cornos e dois viados

São duas horas da tarde do domingo, acabei de acordar. Moro com meu namorado em Praia Grande, SP e ontem estivemos na boate ABC BAILÃO, em São Paulo. O lugar é um museu, mas muito divertido, com músicas do meu tempo e quando tinha meus 18 anos já conhecia o lugar, passei dos 40, e lá tem gente de todas as idades. Pra quem não curte bichinhas afetadas o lugar é ótimo e para quem curte caras mais velhos também.
Chegamos cedo e subimos para o mezanino para podermos apreciar de cima os machos tesudos que chegavam a todo instante. O local é bem organizado e putarias mais fortes você não consegue fazer nem no wc. Tem sempre segurança por perto.
Por volta da 1 da manhã vi um casal da nossa faixa de idade. O macho coroa e a putinha com menos de 30. De cima passei a flertar com a putinha do cara e meu namorado com o macho. Os dois perceberam, mas os dois disfarçavam, pois acredito que diferente de nós ainda não tinham feito uma sacanagem a 3 ou 4. Passada uma meia hora eles também subiram para o mezanino e ficaram próximos de nós. A caça ficou melhor e o cara mais velho quando passou para ir ao wc, por trás de nós, mais de uma vez, deu a maior encoxada no meu namorado que sem perder tempo alisou a caceta do cara. Meu pau já ficava duro da putaria entre os dois.
Passado mais um tempo foi a vez do carinha mais novo descer para ir ao wc e eu dei um tempo e fui atrás. Queria pegar aquela putinha e deixar meu namorado livre para atacar o macho mais velho e me cornear bem gostoso.
Não deu outra. Esperei a putinha na porta do wc e quando ele saiu já nos atracamos num puta beijo. Meti a mão naquela bundinha durinha e fudida e sentia que o viadinho tinha um puta pauzão. Ficamos nos roçando e nos beijando e num instante sentia a mela da minha caceta na minha cueca. O carinha estava com medo, mas sem dizer nada levei ele até perto da pista e mostrei meu namorado e o macho dele no maior beijo no piso superior. Nem nos demos trabalho em subir e fiz sinal para os dois descerem. A cena era cômica: meu gato de mão dada com o macho e eu com a putinha do cara. Nos beijávamos os quatro e o povo em volta não acreditava mas queria mesmo era participar...
Como naquela boate não poderíamos fazer nada resolvemos sair e fomos para o ap. dos caras. Eram 2 horas da manhã. Ficamos até às 8, na maior putaria. Foi muita sacanagem, os quatro na mesma cama, um fudendo o outro, um chupando o outro, era muita pica, muito beijo e chupeta, muita mela de caralho, cú de todo jeito, banho juntos um mijando no outro, fazendo de tudo. Eles nunca tinham feito a 3 e muito menos a 4. Disseram que de agora em diante vamos ter um caso a 4. Era muito tesão ver um desfrutando do outro. Todos realizando suas mais sacanas fantasias. Na semana que vem vamos fuder novamente e eles querem aumentar o grupo.

Nenhum comentário: